BYOD (Bring Your Own Device): você sabe o que é?

Acompanhe com a Blocktime Tecnologia quais os cuidados necessários e as principais vantagens desse conceito que veio para ficar!

 

Cada vez mais presente em nosso dia a dia, a tecnologia exige dos usuários constantes adaptações. Seja por uma atualização ou novidade do mercado, é preciso possuir os meios necessários para alcançá-la: streaming, jogos, IoT, tecnologia 5g, realidade virtual, inteligência artificial, a lista não tem fim. 

E, diante de tantas adaptações, quando nos deparamos com tecnologias que não facilitam o nosso cotidiano, isso pode afetar o nosso humor, a nossa produtividade e até a nossa satisfação pessoal. Ainda mais quando essa realidade está presente no trabalho. 

Por conta disso, muitas empresas têm adotado o conceito de BYOD. E, se você não faz ideia do que essa sopa de letrinhas significa, fique tranquilo! No artigo de hoje a Blocktime Tecnologia traz o conceito e quais as principais vantagens. 

Preparado? Pegue seu próprio dispositivo para anotar todas as nossas dicas e acompanhe com a gente! 

 

Outra sigla?

Você já devia ter se acostumado, sendo profissional de TI ou não, o universo tecnológico é tão vasto que, se não utilizarmos as siglas, nos perderemos em meio a tantos termos. E, para compor essa família de nomes diversos, a integrante da vez é a BYOD.

Na tradução literal para o inglês, Bring Your Own Device significa: traga o seu próprio dispositivo. O conceito não poderia ser mais literal, referindo-se ao usuário que trabalha com o seu próprio aparelho, seja ele um smartphone, um notebook, um tablet, entre outros. 

Ou seja, a empresa deixa de fornecer os aparelhos necessários para a rotina do colaborador e este passa a ter acesso à rede por meio do próprio dispositivo, gerando praticidade e facilidade para ambos os lados. 

Imagem mostra várias mãos segurando celulares e computadores

E como isso funciona na prática?

Em um cenário em que os colaboradores conviviam diariamente com todas as funcionalidades dos aparelhos pessoais e, ao chegar na empresa, em sua maioria, tinham que virar a chavinha e se adaptar ao modus operandi das máquinas corporativas, as divergências de softwares, atualizações, versões, hardwares e conexão eram gigantescas. 

Com esse novo cenário, por meio do próprio dispositivo, o funcionário passa a ter acesso à rede e trabalhar da forma mais coerente ao seu perfil, sem ter que se incomodar com as diferenças entre aparelho pessoal e corporativo.

Mas, calma, para que essa realidade seja possível, são precisos alguns cuidados. 

  • Política de BYOD

Essa é imprescindível. Todos precisam ter acesso, consciência da responsabilidade e cumprir tudo que está presente na política. Só assim será garantido o encontro pacífico entre as siglas BYOD e CLT. Na elaboração da política, é preciso a participação das áreas de Recursos Humanos, Departamento Jurídico e afins.

Lembre-se que na concessão de direitos de acesso aos recursos corporativos pressupõe-se que os dispositivos devem ter os devidos programas licenciados  – sistema operacional e antivírus – como requisitos mínimos de segurança e que os demais programas a serem utilizados podem ser fornecidos pela empresa, inclusive para o monitoramento de itens de segurança, imprescindíveis para a proteção dos dados empresariais. 

  • Gerenciamento de acesso

Segurança da informação acima de tudo, sempre, esse é um dos nossos lemas. Diante disso, essa liberdade de acesso requer cautela e as empresas não podem abrir mão do controle. É preciso identificar de onde vem o acesso (usuário, rede e dispositivo) e bloquear, se necessário.

Ainda nessa precaução, são necessárias configurações rígidas de acesso à rede, bem como limites de horário, dias, localização, etc;

  • O servidor é corporativo

Por isso, tudo fica na rede da empresa, e por meio da virtualização, o colaborador acessa o servidor da organização, que processa todas as informações. Dessa forma, não existe armazenamento local de informações e o acesso torna-se mais seguro;

  • Educação corporativa

É sempre o melhor caminho. Não basta a empresa possuir uma política consistente, se os colaboradores não têm acesso ao conhecimento e treinamento devido. Todos precisam saber dos riscos e das responsabilidades da adoção desse conceito.

 

E quais as principais vantagens?

Agora que vocês já conhecem os cuidados necessários, vamos às vantagens da aplicação desse modelo corporativo.

 

Economia 

Quem não quer praticidade e economia fechando a conta do mês, principalmente na realidade em que nos encontramos? Com o modelo do home office mais do que instituído, o conceito do BYOD tornou-se mais acessível para as empresas. 

Assim, quando os colaboradores passam a utilizar os próprios dispositivos, a empresa economiza, e muito, nas despesas com infraestrutura tecnológica, na atualização de hardwares e softwares e a maioria dos custos fica sob responsabilidade do usuário. 

 

Produtividade

Com o próprio dispositivo, o colaborador produz mais, pois já está adaptado e familiarizado com as funcionalidades e personalizações do seu próprio equipamento. Isso evita dores de cabeça com suporte, help desk e possíveis perdas de tempo com manutenções ou treinamentos de utilização. 

Essa atuação aumenta os níveis de produtividade e satisfação do quadro de colaboradores. Afinal, cada um tem o próprio meio para trabalhar, mas todos com o mesmo fim. A diferença está na adaptação pessoal e na autonomia.  

 

Mobilidade

Estar conectado de qualquer lugar, a qualquer tempo e sem burocracia traz a praticidade que todos sempre sonharam. Além disso, a flexibilidade e a autonomia proporcionadas pelo BYOD geram a liberdade e a confiança necessárias para a viabilização do trabalho remoto.

E aí? Gostou do conteúdo de hoje? Não deixe de compartilhar conosco se a BYOD já faz parte do seu dia a dia. A Blocktime Tecnologia é favorável a toda a tecnologia disponível que facilita e melhora o nosso cotidiano, pessoal e corporativo.

Não deixe de nos acompanhar por aqui. Estamos sempre trazendo o que há de mais atual no mercado, com conteúdos acessíveis a todos os nosso clientes. Conte sempre com a gente! Ficou com alguma dúvida? Entre em contato, nós estamos te esperando! 

Related posts

Leave a comment